Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Dificultar

verbalizado por Fábio, em 06.01.08

É dificil viver assim. É dificil vuver a pensar que a vida de uma pessoa foi afectada por nós. É dificil pensar que essa pessoa sofreu durante 17 anos por nós. É dificil viver com essa culpa em cima dos ombros. É dificil esquecer e encarar a realidade que agora vivo só com um deles. É dificil escolher. Mas não devia. Eu deveria perceber muito bem quem escolher. Mas não. Não percebo porquÊ.  Não consigo. E isso deixa-me triste. Neste momento, deixa-me pior que qualquer outra coisa. É dificil agradar aos dois. É dificil agradar a todos. É dificil viver com alguém que ainda não conseguiu ultrapassar todos os problemas, atirando a culpa para cima de nós.

 

 

É dificil fingir um sorriso. É dificil ser feliz assim.

 

 

Poema à Mãe

 

No mais fundo de ti,
eu sei que traí, mãe.
Tudo porque já não sou
o menino adormecido
no fundo dos teus olhos.

 

Tudo porque tu ignoras
que há leitos onde o frio não se demora
e noites rumorosas de águas matinais.
Por isso, às vezes, as palavras que te digo
são duras, mãe,
e o nosso amor é infeliz.

 

Tudo porque perdi as rosas brancas
que apertava junto ao coração
no retrato da moldura.

 

Se soubesses como ainda amo as rosas,
talvez não enchesses as horas de pesadelos.

 

Mas tu esqueceste muita coisa;
esqueceste que as minhas pernas cresceram,
que todo o meu corpo cresceu,
e até o meu coração
ficou enorme, mãe!

 

Olha - queres ouvir-me? -
às vezes ainda sou o menino
que adormeceu nos teus olhos;
ainda aperto contra o coração
rosas tão brancas
como as que tens na moldura;
ainda oiço a tua voz:

 

Era uma vez uma princesa
no meio de um laranjal...

 

Mas - tu sabes - a noite é enorme,
e todo o meu corpo cresceu.

 

Eu saí da moldura,
dei às aves os meus olhos a beber.

 

Não me esqueci de nada, mãe.
Guardo a tua voz dentro de mim.

 

E deixo-te as rosas.
Boa noite. Eu vou com as aves.

 

Eugénio de Andrade

Autoria e outros dados (tags, etc)

verbalizado às 15:46




Anúncios


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2008

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031



Verbos mais conjugados





visitar


Mais sobre mim

foto do autor