Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Lançar

verbalizado por Fábio, em 20.09.12

Estou a pensar em juntar estes Verbos todos e lançar um livro... Vou lançar!

PUMBA! Finalmente acertei no cão que ladra toda a noite e não me deixa dormir!

Agora a sério, vá, estou mesmo a pensar nisso, em lançar um livro, só que fazer livros em braile deve sair caro... para querer comprar um livro destes, com os meus textos, só se o leitor fosse cego...

Bom, se calhar fico só para aqui a ouvir música. Afinal de contas o Fizz Limão está cá todos os verões...

Adeeeeeuuuussss.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

verbalizado às 01:10

Corromper

verbalizado por Fábio, em 17.09.12

Não nos tornámos na Austrália (ver post anterior) mas estivémos la perto. As ruas deste Portugal ao barrote. Não via tanta gente em Lisboa desde o 25 de Abril, até porque nessa altura não era nascido...

Bom, hoje deixo aqui um cartoon dos Dois Desenhos a Conversar que mostra, realmente, como é o "tuga".

Somos assim.
Até já.
PS:  titulo do post é só para atrair a comuniddae gay... Muahahahahah... Esta foi daquelas piadas mesmo feias pá... Ai, ai..

Autoria e outros dados (tags, etc)

verbalizado às 16:05

Lutar

verbalizado por Fábio, em 15.09.12

Pelos nossos direitos. Hoje é dia 15 de Setembro e avaliar pelas redes sociais vai ser uma espécie de 25 de Abril só que sem Salgueiro Maia. Para uns isto só lá vai à bomba, para outros com ovos, outros dizem coisas como "vamos fazer o Coelho saltar", os da televisão, engravatadinhos, põeem "é evidente" e "evidentemente" 10 vezes numa frase de 5 palavras; e outros ainda tencionam destruir tudo à sua passagem qual claque dos Super Dragões.

Acho bonito. Acho bonito que lutemos pelos nossos direitos, por um país que é nosso, por uma identidade, por condições de vida minimamente dignas.Temos de viver nosso país, não podemos só sobreviver.

Só que, e não sei se sou só eu que acho, parece que vamos lutar contra nós próprios porque foram boa parte dos habitantes- eleitores- deste triângilo à beira mar plantado que elegeram este governo. Lutar ao espelho não é bonito. Enfim...

Infelizmente, às 17h, vou estar a trabalhar mas estou com Portugal. Assusta-me ainda o facto de querermos acabar com este desgoverno mas não termos grandes soluções. É uma coisa do tipo:

"-eh pá isto não é assim!"

"-então como é?"

"-a... bom... deixei o comer ao lume"

Precismos de um gestor à altura.

Porra. Este país tem 10 milhões de habitantes e 92 090 km²! Como é que é? Ai! Queres ver que tenho de me chatear!

Amanhã espero vir escrever aqui um post como se estivessemos na Austrália que, segundo o que se diz, é o segundo melhor país do Mundo para se viver (a seguir à França...). Duvidosa essa lista...

 

Carreguemos Portigueses! Vamos mostrar o que nos vai cá dentro, salvo seja!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

verbalizado às 14:26

Verificar

verbalizado por Fábio, em 12.09.12

Este é o chamado um texto de...vá lá... de merda. Uma conversa de latrina.

Avisei.

A Renova fez um papel higiénico preto. Eu sou da opinião que não serve para nada, a não ser para gozar com os amigos que vão... digamos... cagar... a nossa casa. Isto porque, diga-se o que se disser, no papel higiénico preto não conseguimos, efectivamente, ver se o dito cujo ficou imaCUladamente limpo ou não.

Decidi fazer uma estatística sobre este fantástico tema: perguntei a várias pessoas se olhavam para o papel depois de passarem com ele na refeiga umas quantas vezes, de modo a apurar se a dita estaria limpinha ou não. A maior parte respondeu-me que sim. Em casos mais raros obtive umas respostas negativas.

"Não olhas para o papel? Então como é que sabes que o cú fica limpo?"

"Sinto-o" bom, mas com uma convicção que vocês, caros leitores, não estão bem a ver.

Capacidade estranha esta de sentir o rabo limpo. Se vos enfiassem qualquer coisa pelo cú acima eu até compreendia, em certos casos, o "sinto-o", agora assim? Nããã. O que acontece ao fim do dia é que vão ficar com as cuecas cheias de... marcas de travagem. E isso não é bonito.

Para essas pessoas tenho um conselho: verifiquem se, efectivamente, o traseiro ficou devidamente asseado soltando um tímido esgar para o papel. Não custa nada e quem está à vossa volta ficará muito mais à vontade para falar convosco porque nessa altura já não vão cheirar mal.

É. É este o meu conselho. Verifiquem e limpem o cú em condições.

 

E já que se fizeram 11 anos desde a queda das torres gémeas gostava de poder relacionar esta converseta com isso, para poder dizer qualquer coisa idiota sobre o assunto. Não mes estou a lembrar de nada se não do facto que, quando os aviões se enfaixaram prédio a dentro deveriam estar pessoas a... cagar. Não vi num documentário, dos milhares que se fizeram, alguém a dizer:

"Então onde é que estava na altura do embate?"

"Olhe eu estava no piso 23º, da torre norte, no WC a cagar. Estava a fazer força e de repente ouvi um estrondo e pensei: Eh láá! Pumba! Temos campeão! Eh eh! Esta foi pelo meu Benfica!"

Ninguém. Ninguém verdadeiramente... vivo... e capaz de vir a público dizer isto. Que vergonha pá!

Enfim. Vá vão lá tomar banho que eu já vi que estão todos nus a ler isto e ainda se constipam.

 

Adeeeeeuuuussss!

 

Renova Preto! Que é o que os empreeiteiros das empresas de remodelações dizem...! Petum pchhh

Autoria e outros dados (tags, etc)

verbalizado às 03:38

Atentar

verbalizado por Fábio, em 10.09.12

2º dia da nova vida deste blog. Tinha-me mudado entretanto para http://ohdiacho.blogs.sapo.pt mas... nããã... a casa é aqui.

 

Atentar é sinónimo de constatar, não é o acto de praticar um atentado. Quer dizer, depende do que eu escrever. Constatar já existia aqui pelo Verbos e eu tenho por permissa não repetir nenhum Verbo.

 

Constatei (ou atentei, se preferirem) três coisas, completamente distintas umas das outras mas apetece-me partilhar, agora, estas três coisas com os milhares de leitores que seguem este blog... ou só com a minha mãe e os 3 ou 4 gatos pingados que cá aparecem de vez em quando a ver se se oferece alguma coisa. as coisas são as seguintes:

 

- Tenho 1096 amigos no Facebook. Conheço pessoalmente 98%, 25% gostam das minhas coisas e das páginas que eu administro. 70% partilham coisas engraçadas, 80% copiam e colam coisas no próprio mural e no mural dos amigos com medo de morrerem empalados por não terem partilhado uma mentira que alguém inventou, ou porque querem mesmo o Facebook em fúcsia. Espero que os 25% estejam dentro dos 70% que partilham coisas engraçadas. Não estão, porque fui eu que fiz a estatística.

 

- Encontraram uma carteira cheia de dinheiro, um cartão multibanco e um cartão de hotel. Estavam à espera que os senhores viessem de França buscar a carteira. Eu agarrei na bolsinha maricas e verifiquei que realmente tinha lá dentro 70 euros... 60...40 euros... 20... a... bom... tinha um cartão multibanco e o cartão do quarto de hotel. Fui a única alminha que se lembrou a ligar para o hotel. Pertence a uns emigrantes franceses e a uma menina que tem uma voz muito doce ao telefone e que está extremamente contente por ter encontrado a carteira. Espero que seja a mulher da minha vida. Sou mesmo bonzinho pá.

 

- Um amigo meu faz anos hoje. É uma constatação também. Ah. Parabéns!

 

E pronto. As minhas constatações / atentamentos (?) são estas.

 

Amanhã há mas.

 

Até já.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

verbalizado às 16:53

Reabrir

verbalizado por Fábio, em 09.09.12

Espero que ainda tenha alguém para dizer um olá. Alguém desse lado? Ok: "Sexo", "austeridade", "crise", "troika", "passos coelho", "como limpar manchas de sangue"...

 

Agora sim. Tarados, pessoas preocupadas com a vida e criminosos (a avaliar pelas duas últimas expressões) vêm parar aqui de certeza se puserem alguma dessas expressões no Google.

 

Então vá: Olá! É este o regresso. A tão esperada (por mim... só) reabertura do meu fant... incriv... disto. Do meu blog.

 

Gosto de estar fora de moda. A moda é não ter blogs. Ou ter blogs onde se escrevem textos para se ser processado. Os textos das tais pessoas preocupadas com a vida. Mas eu reabro o meu, neste tempestuoso tempo.

 

E pronto.  Era isto. Que não se desperdiçam letras só em guardanapos. Na internet também.

 

Cá estou eu. Até já! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

verbalizado às 20:46




Anúncios


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2012

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30



Verbos mais conjugados





visitar


Mais sobre mim

foto do autor